Arquivo da tag: Sega SG-1000

Joguinho pro fim de semana prolongado (ou não): Ascend

Dou a palavra a Rafael Lima, que nos deu a dica via Caralivro:

Vcs já viram isso aqui?

Parece um game feito esse ano por um japonês e o cara basicamente portou o jogo pra TUDO QUE É COMPUTADOR 8 BITS QUE EXISTE. O mesmo jogo. Também soltou versão de Master System e Colecovision e eu acho que ele ainda não terminou, já que as última versões foram para o PV-1000 e a do Master System, lançadas anteontem [12/04].

A primeira versão foi a do MSX lançada dia 20/03.

Giovanni Nunes responde:

Sim, o cara escreveu seu próprio compilador de uma linguagem “tipo-C” (na verdade a sintaxe é meio C#) pra isso, o CATE. Ah é, há um outro jogo além do ASCEND, o Mazy, que tem 31 ports!

Você pode baixar os jogos do Inufuto aqui:
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/ascend/
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/mazy/
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/lift/
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/impetus/
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/ruptus/
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/cavit/
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/aerial/
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/bootskell/
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/battlot/
http://inufuto.web.fc2.com/8bit/neuras/

Lunar Rescue para MSX (e parentes próximos)

Em desenvolvimento, e já bem avançado, por Tony Cruise do canal Electric Adventures. Este jogo clássico da Taito apareceu nos fliperamas brasileiros ao mesmo tempo que o Space Invaders (embora seja um ano mais recente). Na verdade, foi o primeiro jogo dotado de microprocessador no qual este humilde escriba botou as mãos sujas, lá pelos idos de 1979.

A adaptação para a tela horizontal e a adição de cores ficaram, na minha humilde opinião, muito boas.

A ideia é lançar simultaneamente versões para MSX1, ColecoVision e SVI-328, três arquiteturas muitíssimo parecidas. Nos comentários do YouTube sugeri incluir Sega SG-1000, igualmente similar, e o Tony mostrou-se aberto à ideia. Aguardamos ansiosamente a versão final.

(Via Clube MSX)

Episódio 111 – Dossiê Space Invaders – Parte A

retrocomputaria_vitrine_570x190

Bem-vindos ao episódio 111 do Retrocomputaria.

Sobre o episódio

Um episódio 100% dedicado a esses caras aí:

https://openclipart.org/detail/169454/space-invaders-by-rones

Nesta parte do episódio

Contamos a história da Taito (não esquecemos da parceria com a Midway), da Taito no Brasil e do “pai” Tomohiro Nishikado.

Com tudo isso pra lá, finalmente falamos dos aspectos técnicos de Space Invaders, do impacto do jogo no mercado de arcades, das versões e sequencias.

Links do podcast

Música de fundo

Sei lá, estamos destruindo os alienígenas da fase…

Ouvindo este episódio offline

Baixe o ZIP, descompacte e ouça com seu tocador de música preferido.

Onde este episódio (e todo o Retrocomputaria) está disponível

Os episódios do podcast estão, como todo o conteúdo do Retrocomputaria, em muitos lugares: Spotify, YouTube, Google Podcasts, Apple Podcasts, Deezer e, usando nosso feed RSS, qualquer programa para escutar podcasts.

Seu comentário é o nosso salário

Não se esqueça de deixar seu comentário aí embaixo; afinal, seu comentário é o nosso salário. No entanto, caso você prefira, entre diretamente em contato conosco.

Episódio 81 – Jogos de Corrida – Parte A

retrocomputaria_vitrine_570x190

Sobre o episódio

Adrenalina! Cheiro de gasolina! Sexta marcha! 300Km/h! Jogos retro de corrida!

Nesta parte do episódio

Muita velocidade nos anos 70 e 80 em arcades, videogames e computadores.

Ficha técnica:

  • Número do episódio: 81
  • Participantes: Ricardo, João, Cesar, Giovanni e Juan
  • Duração aproximada: 66 minutos
  • Músicas de fundo: Rally-X
  • Download em ZIP

URLs do podcast:

Não se esqueça de deixar seu comentário aí embaixo; afinal, seu comentário é o nosso salário. No entanto, caso você prefira, entre diretamente em contato conosco.

A evolução do TMS9918

O TMS9918A e seus variantes (9928/9938/sem “A”) é um chip gráfico bem popular; está no MSX1, no Colecovision, no TI-99/4A, no Sega SC-3000/SG-1000 e, com variações, no Master System e no Game Gear – sem contar as evoluções da Yamaha (V9938/58).

No Z80ST-Blog, uma excelente comparação entre os “membros da família”, focado em MSX e videogames da Sega.

Episódio 67 – Jogos Olímpicos – Parte A

retrocomputaria_vitrine_570x190

Sobre o episódio

De 4 em 4 anos acontecem os Jogos Olímpicos, e com a tocha sendo acesa perto do QG do Retrocomputaria, resolvemos fazer um podcast sobre o assunto, medalha de ouro em piadas sem graças e em micros clássicos.

Nesta parte do episódio

Depois de uma discussão sobre o surgimento da maratona, vamos à Fan Fest no Atari 2600 e passamos por Moscou 1980 e Los Angeles 1984 (e o joystick não sobreviveu ao Decathlon, apesar de todos os truques dos participantes)

Ficha técnica:

URLs do podcast:

Não se esqueça de deixar seu comentário aí embaixo; afinal, seu comentário é o nosso salário. No entanto, caso você prefira, entre diretamente em contato conosco.

Jogos do SG-1000 no MSX.

sg1000Sim, nós lembramos que já falamos de SG-1000 e MSX por aqui. Mas não custa nada relembrar que o Lars XXVIII (descendente daquele sujeito lá do planeta Nemesis, só pode) fez um post no seu blog, explicando tudo a respeito do SG2MSX e do que rodar, etc.

Ficou curioso, né? Clique aqui para ler a postagem. E saia da frente desse computador aí, vai jogar um pouco, vai…

Chegou um trequinho da Nova Zelândia lá em casa

Jaca Paladium…e pensei que talvez vocês achassem interessante. Trata-se do SC-3000 Survivors Multicart, produzido por um distinto membro desta comunidade, de nome Nick Hook.

O SC-3000 nada mais é que o console SG-1000 da Sega, acrescido de teclado e porta de cassete. Nem BASIC em ROM o bicho tem, precisa de um cartucho de BASIC pra poder programar (#Atari800Feelings). O hardware dele é extremamente parecido com o do MSX — tão parecido que dá pra fazer isto aqui.
Continue lendo Chegou um trequinho da Nova Zelândia lá em casa

(Mais uma) receita de bolo pra fazer o seu joystick estilo arcade

Dada a foto abaixo, talvez você tenha suspeitado que o autor Graham Axten tencionou usar seu joystick feito em casa num Commodore. Lembrando que Ataris também usam a mesma pinagem de joystick, mas não é aconselhável deixar um segundo botão habilitado na pinagem errada — você pode queimar um chip dentro do seu console.
Continue lendo (Mais uma) receita de bolo pra fazer o seu joystick estilo arcade

O Grande Projeto de Restauração de Fitas de SC-3000

Começa assim:

  1. Eu consigo comprar um Sega SC-3000 bem mais barato do que eu teria direito na conjuntura atual;
  2. Compro alguns cartuchos (mais sobre isso num futuro momento) e me divirto;
  3. Acho uma comunidade online, onde fico sabendo de um neozelandês gente boa Continue lendo O Grande Projeto de Restauração de Fitas de SC-3000