Arquivo da tag: VDP

RetroRio 2021: Segunda novidade!

Como vocês já sabem, a RetroRio 2021 será online. O evento ocorrerá de forma remota no dia 4 de setembro, das 10h às 18h. Durante a manhã a quadrilha que comete o Retrocomputaria estará disponível para um bate-papo nesta sala no Jitsi. De tarde, teremos palestras no no nosso canal do YouTube. E hoje, faltando três semanas para o evento, falaremos da segunda palestra.

Continue lendo RetroRio 2021: Segunda novidade!

Mais de 32 sprites em um TMS9128

tmsbug-1_abertura

Sério? O TMS9900 : TMS9918A / TMS9928A / TMS9929A Video Display Processors – Data Manual (Nov 1982) diz o seguinte (tradução livre):

A tela pode conter até 32 sprites nos planos de vídeo de maior prioridade.

Mas por acidente descobri que por causa de um bug no desenho dos sprites você pode ter mais do que 32 sprites na tela¹. Fiz testes em um Sharp HB-8000 v1.2 (TMS9128) e em um Frael Bruc 100 (TMS9129) e obtive em ambos o mesmo resultado.

(¹) Não necessariamente em MSX mas outros sistemas como ColecoVision, Sord M5, TI-99/4A também podem estar afetados!

[ in English ]

Continue lendo Mais de 32 sprites em um TMS9128

Biblioteca do SDCC para o TMS9918A.

O SDCC é um compilador C para “dispositivos pequenos” (como diz no nome do mesmo, Small Device C Compiler), mas que pode ser usado para compilar código C para microprocessadores Intel MCS51 (8031, 8032, 8051, 8052, etc.), Maxim (Dallas), variações do DS80C390, os Freescale HC08 (hc08, s08), Zilog Z80 (z80, z180, gbz80, Rabbit 2000/3000, Rabbit 3000A, TLCS-90) e os STMicroelectronics STM8. No momento estão acrescentando o suporte aos microcontroladores Microchip PIC16 e PIC18. A próxima versão será a 3.8.0, e tem versões para Windows (32 e 64 bits), Linux (32 e 64 bits) e Mac OS X. Já falamos antes dele aqui e em outros lugares também.

Então, existe muita gente que usa o SDCC para desenvolver para micros clássicos. E o usuário mvac7, no Github, colocou uma biblioteca de funções para o TMS9918A, o VDP do MSX 1 disponível para uso no SDCC.

Continue lendo Biblioteca do SDCC para o TMS9918A.

Monte seu próprio Frankenstein.

hermanNão, não é para seguir a invenção de Mary Shelley não… Mas é algo muito interessante! Foi um grande trabalho desempenhado pelo FRS e o Luciano Sturaro, da MSXPro, onde eles redigiram um documento com riqueza de detalhes sobre como fazer o seu próprio cartucho com VDP de Master System, ou seja, o seu próprio Franky.

Se você quer pegar o documento, está aqui. O arquivo com a descrição do cartucho, para ser feito em impressora 3D está aqui. Se você quiser comprar uma placa para montar, o custo é de € 15, inclusos o frete. Maiores informações no site da Supersoniqs.

Benchmark de V9938.

Para você, que está preocupado com quantos fps a sua placa (velha) com chipset (velho) da AMD ou da NVidia operam, o Eugeny Brychkov, também conhecido pelo projeto GR8BIT, fez um teste de performance com o V9938. O VDP do MSX 2 conseguiu 4 fps em cenas com 256 x 176 pixels. O vídeo a respeito tá aí em cima.

 

Domingão do Ag0ny: Máquinas de venda automática de chips!

Vocês sabem que no Japão, máquinas de venda automática são uma mania nacional. Estima-se que haja uma para cada 23 habitantes naquele arquipélago de escrita diferente e fala curiosa. De máquinas de venda de alface, cerveja, ovos, arroz, saquê… Até banana! E nesse artigo do Buzzfeed tem uma lista de 24 máquinas de venda automática que você não acredita que existam.

Mas numa loja de eletrônicos em Akihabara, o Ag0ny encontrou essas máquinas aí embaixo (clique na foto para ampliar):thumb_chip_vending_machines_akihabaraSim, essas máquinas automáticas vendem Z80, VDP de MSX (TMS9918, V9938 ou V9958?) e chips FM. Isso foi alvo de discussão no fórum da MSX.org, mas ninguém soube mais a respeito disso, além dessa foto.

Ah, se você um dia for a Amsterdam, não esqueça de ir até o FEBO, nem que seja para tirar fotos. Afinal, é um ponto turístico, segundo os próprios moradores!